World news story

Fortalecendo os laços da educação superior britânica com o Brasil

Programa Ciência sem Fronteiras ajudou a triplicar o número de estudantes brasileiros no Reino Unido.

This was published under the 2010 to 2015 Conservative and Liberal Democrat coalition government

Knowledge is GREA

Estudantes brasileiros estão cada vez mais escolhendo estudar no Reino Unido. Dados publicados hoje mostram que o número de estudantes de graduação que irão para o Reino Unido por meio do programa Ciência sem Fronteiras triplicou desde o lançamento do programa no ano passado. Mais de 1700 estudantes brasileiros irão estudar em cerca de 70 universidades no Reino Unido a partir de setembro de 2013.

Essa notícia chega em um momento importante nas relações entre América Latina e Reino Unido. O Ministro de Negócios, Inovação e Treinamento do Reino Unido, Vince Cable, está no Brasil esta semana para acordar mais parcerias na área de educação e pesquisa entre os dois países. O Ministro-Adjunto para Universidades, David Willetts, também acompanhou uma delegação de representantes do setor educacional para a Colômbia e o México, com o objetivo de ampliar as relações entre esses países e o Reino Unido no futuro.

O Ministro Vince Cable, disse:

Minha visita esta semana ao Brasil reforçou a importância que o governo britânico dá ao desenvolvimento de laços entre as universidades, os negócios e os estudantes brasileiros. O programa Ciência sem Fronteiras é um bom exemplo da colaboração entre nossos dois países pois atrai estudantes brasileiros de alto nível para um dos melhores setores de educação superior do mundo: o do Reino Unido. Espero que o contínuo sucesso do programa também possa ser uma plataforma para o crescimento e que mais empresas se beneficiem dos estágios e do patrocínio de doutorandos.

Dra. Joanna Newman, diretora do UK Higher Education International Unit, ligada à Universidades UK , que coordena o programa em nome das universidades britânicas disse:

O rápido crescimento da participação do Reino Unido no Ciência sem Fronteiras claramente mostra a contínua popularidade do Reino Unido como um destino acadêmico. Esse programa irá ajudar na formação de parcerias longas e duradouras entre as universidades brasileiras e britânicas. Estudantes brasileiros são valorizados como parte da nossa diversa comunidade acadêmica e espero que suas experiências reforcem laços pessoais e profissionais com o Reino Unido no futuro.

Richard Masters, Diretor do Conselho Britânico no Brasil comentou:

O Conselho Britânico no Brasil está muito feliz com os resultados do Ciência sem Fronteiras. O aumento no número de estudantes representa um marco na cooperação entre Brasil e Reino Unido em educação superior. Nós continuaremos a trabalhar com o International Unit para promover as instituições educacionais britânicas para os estudantes brasileiros.

Nota aos editores:

Informações à Imprensa:

Luana Seabra, Assessora de Diplomacia Pública da Embaixada do Reino Unido em Brasília: 61 3329 2364 luana.seabra@fco.gov.uk

Vikki Challen, Assessora de Marketing & Comunicação CsF Reino Unido: 44 020 7419 5615 vikki.challen@international.ac.uk

Published 29 Abril 2013