Notícia - Artigo

Empresas brasileiras pretendem expandir suas operações no UK

This world location news article was published under the 2010 to 2015 Conservative and Liberal Democrat coalition government

Levantamento do Consulado Britânico aponta que 70% das empresas brasileiras instaladas no Reino Unido pretendem expandir operações no país

O UK Trade & Investment (UKTI), departamento de comércio e investimento internacional do Consulado Geral Britânico de São Paulo, apresentou ontem resultados de um estudo sobre a presença de empresas brasileiras no Reino Unido. A apresentação aconteceu durante missão comercial de 16 empresas brasileiras, chamada Tech Week.

A Tech Week é uma missão organizada pelo UKTI para que as empresas brasileiras possam conhecer as oportunidades de mercado de TI no Reino Unido, falar com empresas brasileiras já instaladas lá e conseguir orientações sobre como instalar sua empresa e torná-la uma plataforma para suas operações globais.

Fez parte da programação a apresentação de um relatório encomendado pelo UKTI, que realizou um extenso mapeamento de cerca de 50 empresas brasileiras com operações no Reino Unido. O estudo inédito, elaborado pela KPMG no Reino Unido para o UKTI, indicou que 70% das empresas nacionais instaladas no Reino Unido que foram entrevistadas pretendem expandir suas operações no país. Serviços financeiros, consultoria de negócios e tecnologia da informação são as principais áreas de atuação dos empresários brasileiros no Reino Unido.

Ao todo, 19 das 46 companhias pesquisadas são grandes empresas com mais de 5 mil funcionários no Brasil. Contudo, o estudo aponta para uma nova tendência. Um número crescente de pequenos e médios empreendedores brasileiros da área de TI começa a procurar o Reino Unido como plataforma para a internacionalização de seus negócios. A presença de empresas brasileiras aumentou, particularmente, no Tech City de Londres, o Vale do Silício da Europa. A Tech City é uma região de Londres, localizada no bairro de Shoreditch, que hospeda, ao todo, 1400 empresas de tecnologia, de gigantes do setor até startups do mundo inteiro.

“O Reino Unido tem sido a porta de entrada para o empresário brasileiro na Europa”, observa o cônsul-geral britânico em São Paulo, John Doddrell. “Mais de 60% das empresas entrevistadas no Reino Unido investiram no país para explorar novas oportunidades de mercado no cenário internacional. O nosso estudo mostra que 67% das empresas pesquisadas indicaram que suas operações no Reino Unido são suas sedes na Europa, além de desenvolver em atividades no Oriente Médio e Ásia”, completa Doddrell, que também dirige o UKTI no Brasil.

A pesquisa notou uma mudança no padrão do perfil de empresas que buscam presença no mercado britânico. Se de 1960 até 2005 havia um predomínio da indústria de manufatura, alimentos e bebidas, entre os anos de 2006 a 2010 houve uma nova onda de empresas brasileiras de serviços financeiros e, mais recentemente, de 2011 a 2013, de empresas de tecnologia e software interessadas em expandir seus negócios no Reino Unido. Quase 80% das empresas vêm do Sudeste, principalmente de São Paulo e do Rio de Janeiro, e a grande maioria são de médias e grandes companhias que montaram escritórios de até 50 profissionais no Reino Unido.

“Na pesquisa identificamos que novas oportunidades de negócios e a posição privilegiada do Reino Unido no mercado internacional foram alguns dos motivos que impulsionaram uma maior presença de empresas brasileiras no país”, disse Eduardo Navarro, Diretor Associado da Prática Brasileira da KPMG no Reino Unido.

Por fim, o estudo apontou a importância da participação de agências do governo britânico, como o UKTI, para auxiliar as empresas brasileiras no Reino Unido. Aproximadamente 40% dos entrevistados disseram ter recebido apoio do governo britânico no momento da abertura de seus escritórios no país. Dos entrevistados, cerca de 80% são empresas menores que geram menos do que 3 milhões de libras por ano.

“Acreditamos que empresas brasileiras podem crescer rapidamente na Europa com a abertura de novas operações no Reino Unido”, diz Raquel Kibrit, gerente de investimentos do UK Trade & Investment de São Paulo.

Para conhecer mais sobre os serviços do UKTI para empresas brasileiras clique aqui

UKTI

Com uma rede de consultores profissionais no Reino Unido e em mais de 96 mercados internacionais, o UK Trade & Investment (UKTI) é o departamento do governo britânico que ajuda as empresas baseadas no país a terem sucesso na economia global e auxilia empresas estrangeiras a levar investimentos de alta qualidade para o Reino Unido. A equipe do UKTI Brasil trabalha na Embaixada e nos Consulados Britânico.